Siga o blog por email

Seguidores do Blog

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Ministério da Cultura promove curso de animação online

O Ministério da Cultura, por meio da Secretaria do Audiovisual, e a Infraero estão apoiando o AnimaEdu, um curso online que pretende levar, de forma virtual, técnicas de animação a jovens brasileiros em todo o país. O lançamento oficial do programa e do site ocorreu na quarta-feira (28 de outubro), por ocasião do Dia Internacional da Animação. A primeira turma do curso terá início em novembro deste ano. Para fazer parte do programa é preciso ser selecionado, uma vez que este primeiro grupo será experimental para avaliar a entrada em funcionamento do sistema desenvolvido. O primeiro passo para do processo de avaliação é efetuar a pré-inscrição por meio da Seção Estude Conosco do site AnimaEdu (www.animaedu.com.br), onde estão as informações específicas. Para participar, basta ter no mínimo 16 anos e possuir um computador com acesso à Internet e um scanner. Não há necessidade de conhecimento prévio em animação. O curso terá 18 módulos e estima-se que os alunos consigam estudar entre um e dois módulos por semana. Sendo assim, terá em média de nove a 18 semanas de aula. AnimaEdu é um programa de ensino a distância de animação tradicional 2D desenvolvida pela Otto Desenhos Animados. É um projeto aprovado na Lei Federal de Incentivo à Cultura e que foi, também, incluído dentro do Pró Animação (programa para incentivo e consolidação da indústria de animação brasileira desenvolvido pela Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura). A ideia básica é selecionar e oferecer cursos que capacitem jovens talentos para atuação no mercado profissional da animação, que tem ampliado sua demanda por mão-de-obra qualificada nos últimos anos. Para ingressar no programa haverá uma seleção de alunos a partir dos desenhos dos candidatos.

UNB inscreve para curso a distância sobre Orçamento da Criança e do Adolescente


A Universidade de Brasília (UnB) - por meio do Centro de Estudos Avançados de Governo e Administração Pública (CEAG) e do Centro de Desenvolvimento Tecnológico (CDT) - e a Secretaria Especial de Direitos Humanos (SEDH/Presidência da República) lançam as inscrições para o curso OCA – Orçamento da Criança e Adolescente na modalidade à distância. A formação tem por objetivo a formação dos Conselheiros em orçamento público com enfoque nas políticas públicas voltadas à infância e adolescência e está inserida em um projeto de formação continuada de atores fundamentais do Sistema de Garantia de Direitos. O conteúdo do curso está dividido em quatro módulos que abrangem desde a concepção dos Direitos Humanos de Crianças e adolescentes, os conceitos sobre o orçamento público, a metodologia do Orçamento Criança e Adolescente (OCA), e a incidência política dos atores no processo de elaboração do orçamento. Será disponibilizado, prioritariamente, para os conselheiros de direitos estaduais das 27 unidades da federação e para os conselheiros de direitos e tutelares dos 80 municípios que integram a Agenda Social Criança e Adolescente, apresentado pelo governo federal em outubro de 2007 para reduzir a violência contra crianças e adolescentes. A inscrição é gratuita e a carga horária é de 30 horas.

Mais informações: www.ceag.unb.br  (61) 3107-2685

terça-feira, 27 de outubro de 2009

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

II Seminário de EaD do IMIP

II SEMINÁRIO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DO IMIP
Hospital de Medicina Intergral Prof. Fernando Figueira (IMIP)
dia 26 de novembro de 2009.
As inscrições são gratuitas.

*Programação*
08h00min às 08h15min - *Credenciamento*
8h15min às 8h45min - *Abertura *

08h45min às 10h00min  
*Conferência: *Gestão na Educação a Distância
*Conferencista: *Lina* *Sandra Barreto* *(Ministério da Saúde – UNA-SUS)
*Mediadora:* Karla Hazin (IMIP)

10h00mim às 10h30min - *Intervalo *

10h30mim às 12h00min

*Mesa Redonda: *Produção de Objetos de Aprendizagem para Educação a
Distância
Palestrantes: *Sandra Siebra (UFRPE) e Jannine Moreno (SECTMA/PE) * *
Mediador:* Fernando Gusmão (IMIP)

12h00mim às 13h30min – *Intervalo (almoço)*

13h30mim às 15h00min

*Mesa Redonda: *Formação de Autores e Tutores para Educação a Distância
Palestrantes: *Maria Auxiliadora Padilha (UFPE) e Iracleide Araújo
(Faculdade SENAC PE)
Mediadora:* Fátima Caminha (IMIP)

15h00mim às 15h30min - *Intervalo *

15h30mim às 17h00min
*Mesa Redonda: *Educação a Distância no IMIP: experiências exitosas
Palestrantes: *Maria do Carmo Duarte (Mestrado Saúde Materno
Infantil/IMIP), Pedro Gabriel Fonseca (Psicologia/IMIP) e Gisele Cazarin
(GEAS/IMIP)
Mediador:* Marcos Alexandre de Melo Barros (IMIP)

17h00min - *Encerramento*

sábado, 17 de outubro de 2009

Unicamp 100% digital

Agência FAPESP – Com o total de 30.871 teses e dissertações em sua Biblioteca Digital, a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) se tornou a primeira universidade brasileira a ter 100% dessa produção em formato eletrônico e com acesso livre pela internet.

Desde 2004, quem quiser baixar uma cópia dos trabalhos precisa se cadastrar, o que tem permitido um controle detalhado dos acessos.

“Até o momento foram 4,3 milhões de downloads. A maior média é da área de humanidades e artes, com 1,6 milhão de downloads e 7.705 teses, média de 217 cópias por pesquisa. A média geral, considerando todas as áreas, é de 143 downloads por tese”, disse Luiz Atílio Vicentini, coordenador da Biblioteca Central Cesar Lattes e do Sistema de Bibliotecas da Unicamp.

A Biblioteca Digital da Unicamp passou dos 20 milhões de visitas, com um grande salto ocorrido a partir de 2005, quando o acervo foi indexado ao Google. “De 1 milhão naquele ano, a quantidade de visitas foi para mais de 3 milhões em 2006; em 2008 foram 6,5 milhões de acessos e, este ano, já temos mais de 5 milhões. Registramos picos de 30 mil visitas por dia”, disse Vicentini ao portal da universidade.

De acordo com o coordenador, há mais de 800 mil usuários cadastrados. O último levantamento apontou quase 24 mil downloads por usuários de 73 países, com destaque para Espanha e Portugal.

O estudo mais acessado, intitulado O conhecimento matemático e o uso de jogos na sala de aula, foi apresentado por Regina Célia Grando na Faculdade de Educação e teve até o dia 13 de outubro 8.485 downloads e 43.784 visitas.

Mais informações: http://libdigi.unicamp.br

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

UFBA promove o Seminário Novas Tecnologias e Saúde - BA


Quinta-feira, dia 21 de outubro, a partir das 08h, no Campus Ondina/UFBA, acontece o Seminário Novas Tecnologias e Saúde, com recurso do Fundo Nacional de Saúde e inscrições gratuitas.

O Seminário Leituras de Novas Tecnologias e  Saúde é alicerçado através do interesse primordial em reunir distintas reflexões sobre o fenômeno das novas tecnologias no campo da saúde, suas apropriações e suas repercussões nas sociedades. Da mesma forma, pretende-se também que este possa servir de instrumento de divulgação e de orientação a temas desta área para gestores, para profissionais e para pesquisadores da área da saúde e correlatas.

No Evento, está programado o lançamento da coletânea Leituras de Novas Tecnologias e Saúde, organizada pelas pesquisadores Ana Cristina de Souza Mandarino e Estélio Gomberg,  editada pela Universidade Federal da Bahia e com co-edição da Editora Federal de Sergipe,  cuja leitura é heterogênea e instigante, refletindo sobre contextos que favoreçam a realização de atividades significativas nas áreas apontadas, onde estes campos possam ser construído e reconstruído conforme contextos e interesses sociais.

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Pesquisa personalizada
Se quiser, pode copiar e reproduzir os artigos aqui publicados, desde que sejam citadas a fonte e a autoria.